Se você trabalha no setor de suprimentos, a etiqueta de código de barras é comum na sua rotina, não é mesmo? Na verdade, não precisa ser um profissional da área de compras para ter contato diário com esse tipo de identificação.

À primeira vista, pode até não parecer, mas esse pequeno dispositivo é de extrema importância. Na sequência, falaremos sobre a função da etiqueta código de barras e seu processo de produção. Boa leitura!

O que é a etiqueta de código de barras?

A etiqueta código de barras é um preceito gráfico e numérico que caracteriza, individualmente, os itens de uma cadeia de suprimentos. Nela são guardadas as informações completas do produto como tipo, características, lote etc.

Essa identificação se dá através de uma ordenação binária única, que deve ser decodificada pelo leitor de código de barras. Após esse procedimento, as informações do produto passam para o computador, ficando visíveis para quem opera o processo.

Qual sua principal função?

Apesar de pequena e, muitas vezes, passar despercebida pelos consumidores, a etiqueta código de barras desempenha função essencial. Muito usada em supermercados, indústrias e redes de produção, ela serve para fazer a gestão de produtos e estoque. Isso se dá pois, por meio dela, pode-se ter um controle sobre o armazenamento, ativos e toda a cadeia de suprimentos.

Ou seja, o uso da etiqueta código de barras é fundamental para organização da empresa ou indústria.

Qual processo de produção da etiqueta de código de barras?

Por ser impressa na parte externa do produto, a produção da etiqueta código de barras deve ser feita em um objeto resistente e que não sofra com ações do tempo. Não há nenhuma determinação sobre em qual material deve ser impressa, mas, normalmente, elas são estampadas em:

• BOPP: mais íntegro, é usado, principalmente, para baixas temperaturas;

• poliéster: alta resistência às ações químicas e às altas temperaturas;

• papel couché: para aplicações que não demandam tanta durabilidade.

Cada um desses materiais é indicado conforme a necessidade de resistência da etiqueta código de barras e da superfície na qual ela será impressa.

A escolha da dimensão também deve ser feita conforme necessidade, levando sempre em consideração as especificidades do produto.

Importância da qualidade da fita ribbon na produção

O processo de fabricação da etiqueta código de barras é, na maioria das vezes, feita por meio da transferência térmica com fita ribbon. Vale ainda destacar que a qualidade desse item interfere de maneira fundamental no resultado.

Se usados produtos de baixo padrão, a impressão não será resistente. Sendo assim, sofrerá com a ação do tempo, gerando desgaste da tinta e ocasionando grandes problemas para o seu negócio.

Por isso, é imprescindível que se opte por uma empresa especializada na produção da fita ribbon a ser usada na impressão da etiqueta código de barras.

A IIMAK tem mais de 30 anos de experiência no mercado, sendo referência na fabricação de ribbons. Entre em contato e conheça nossa empresa.